Quarta, 06 Dezembro 2017 15:12

Gasolina sobe mais uma vez e preços variam de R$ 4,12 a R$ 4,29 em Assis Chateaubriand

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)
ilustrativa

Reportagem William Borges

A gasolina não para de subir. Neste último final de semana, assim como em semanas anteriores, a Petrobrás anunciou um novo aumento nas refinarias, representando já a quinta alta semanal seguida. Com a nova política de preços da estatal, o valor dos combustíveis é atualizado diariamente.

Os percentuais de cada reajuste são até considerados pequenos, porém, desde que a Petrobras anunciou a nova política de preços em junho deste ano, de pouco em pouco, a gasolina já subiu mais de 25% em cinco meses e ultrapassou a média de R$ 4,00 o litro no país.

De acordo com o levantamento de preços da Agência Nacional do Petróleo (ANP), o valor da gasolina passou para R$ 4,05 por litro, na média nacional. Em algumas cidades do Brasil, a gasolina já passa de R$ 5,00 o litro.

Em Assis Chateaubriand, conforme levantamento feito pela Rádio Jornal na tarde desta terça-feira (5), a gasolina comum é encontrada a até R$ 4,29. Já o menor preço verificado é de R$ 4,12.

A nossa reportagem pesquisou a tabela de preços de 13 postos de combustíveis e foi constatado que a média de preço do litro da gasolina no município é de R$ 4,17.

Como comparação, o valor médio está 18% acima do levantamento anterior feito pela emissora há cerca de quatro meses e meio. Na primeira quinzena de julho, o litro mais caro era encontrado a R$ 3,64 e o mais barato era de R$ 3,45, numa média de R$ 3,54.

Esses valores subiram depois do dia 20 de julho, quando o governo federal anunciou a elevação das alíquotas referentes ao PIS/COFINS nas refinarias.

Nesse período, o litro médio subiu R$ 0,63, chegando à diferença de até R$ 0,84 entre o maior preço encontrado neste início de dezembro e o menor até meados de julho.

Em relação ao etanol, atualmente, o menor preço encontrado é de R$ 2,95, enquanto que o litro mais caro chega a R$ 3,09, perfazendo uma média de R$ 3,00. Até julho, o etanol custava de R$ 2,49 a R$ 2,59, ou seja, o litro subiu R$ 0,46, em média, com diferença chegando a até R$ 0,60, entre o menor na época e o maior na primeira semana de dezembro. Em quatro meses e meio a alta foi de 18%.

Já o diesel está variando entre R$ 3,29 e R$ 3,11, com preço médio de R$ 3,16. Em julho, esse combustível custava, em média, R$ 2,79, quando o litro mais caro era de R$ 2,99 e o mais barato de R$ 2,59. A elevação é de 13%, uma diferença média de R$ 0,37.

 

Atenção

A reprodução deste conteúdo somente é permitida desde que seja dado o crédito à Rádio Jornal 1470 AM, informando o endereço www.radiojornalam.com.br

Para a reprodução de conteúdo fora das condições especificadas entrar em contato com o seguinte e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

A Rádio Jornal 1470 AM retém os direitos autorais do conjunto de textos e fotos publicados no site conforme a Lei 9.610/1998.